PAI FUNES: A FÉ não é contrária à ciência

22/12/2014 “A igreja acolhe descobertas científicas”, diz o astrônomo jesuíta diretor do Observatório do Vaticano, o Observatório da Santa Sé, que agora e 25 de dezembro é o apresentador do programa Rai “Nautilus”, dedicada cometa.

Hoje e 25 de Dezembro, o “Nautilus” terá como alvo por excelência, um tema de Natal, o cometa. Convidado especial do episódio será o padre José Gabriel Funes, diretor do astrônomo jesuíta Observatório do Vaticano, o Observatório da Santa Sé.

O evento está programado em 22 e 25 de Dezembro, às 21h00 no Rai School, canal 146 da Terra Digital.

Aqui está a entrevista de Frederick Taddia Padre Funes.

O Observatório do Vaticano?

“É o observatório do Papa, é um observatório astronômico, como muitos outros no mundo. Nascido em 1891 pelo Papa Leão XIII, por causa da poluição luminosa, o observatório mudou do Vaticano para Castel Gandolfo e, em seguida, a partir daí, no Arizona “.

Este Papa foi particularmente apaixonado por astronomia ou há uma estreita relação entre teologia e astronomia?

“Há sempre essa conexão entre a ciência, o céu e as diferentes religiões, também certamente cristianismo. Papa Leão XIII foi muito atenta às questões sociais e também a científica, que é por isso que ele queria fundar Observatório do Vaticano para deixar claro que a Igreja é a favor da ciência. ”

Seu pai tem três graus em astronomia, teologia e filosofia; fez seu doutorado em astronomia na Universidade de Pádua, no que importa?

“Com a minha tese de doutorado que eu ajudei a pesar as galáxias, para medir a quantidade de matéria que é nas regiões centrais das galáxias. Eu tento apontar essas galáxias que de alguma forma são candidatos a ter um buraco negro super massivo no centro. ”

Saw “Interstellar”?

“Sim, eu vi isso e eu adorei, eu acho que é um bom filme, tem em muitos temas sobre os quais a refletir, a partir do futuro da Terra para o futuro da agricultura, a busca de outros planetas, todos da relatividade, os buracos negros … em todos os tópicos muito interessantes. ”

Em seu berço coloca o cometa?

“É claro, nós também Magi com pequenos telescópios, são os nossos santos padroeiros.”

Sobre seu duplo papel de cientista e religioso, há um ponto de contato entre escritura e da investigação científica?

“Eu respondo como cientista e como religioso. Como um cientista que me move é a curiosidade de entender como o universo foi formado, as estrelas planetas … neste I compartilham a mesma paixão dos meus colegas cientistas. Como surgiu a vida na Terra ainda é uma hipótese, não sei como isso aconteceu, mas estou confiante de que, no futuro, a ciência vai nos dizer. E isso não está em conflito com a fé, a Igreja se alegra quando os cientistas fazem descobertas, porque a Igreja é como uma mãe e qualquer pai é orgulhoso do progresso de seus filhos. ”

Rosetta, portanto, não entra em conflito com o livro de Gênesis, são duas coisas que caminham juntas?

“Certamente não em contraste, lembremo-nos de que o livro da Bíblia não é um livro científico, se buscarmos respostas científicas para questões científicas, não podemos encontrá-los lá. A Bíblia é um livro inspirado por Deus, é uma carta de amor que Deus escreveu para o seu povo. A linguagem é a de há dois mil anos e o autor sagrado não sabia nada da relatividade geral ou a física quântica ou a gravitação de Newton. “A Escritura nos diz como se vai para o céu, mas não como os céus ir”, disse Galileo Galilei “.

Agora, onde estamos na Igreja e Galileo?

“Estamos em um bom momento, John Paul II reabilitou Galileu. Eu acredito que não podemos negar que houve um conflito e que Galileo Galilei sofreu. Provavelmente, sofreu muito, mas devemos dizer que Galileu era um bom católico, ele obedeceu as autoridades da época. Galileu foi um bom católico e um bom cientista, sempre haverá conflitos e houve, não há como negar. O ponto é que estes conflitos, as diferentes visões de mundo, eu não digo que eles vão cair, mas pelo menos eles podem discutir por meio do diálogo sincero; Esta é a missão de todos nós, para promover o diálogo e não um debate estéril, um fim em si mesmo “.

Annunci

Rispondi

Inserisci i tuoi dati qui sotto o clicca su un'icona per effettuare l'accesso:

Logo WordPress.com

Stai commentando usando il tuo account WordPress.com. Chiudi sessione / Modifica )

Foto Twitter

Stai commentando usando il tuo account Twitter. Chiudi sessione / Modifica )

Foto di Facebook

Stai commentando usando il tuo account Facebook. Chiudi sessione / Modifica )

Google+ photo

Stai commentando usando il tuo account Google+. Chiudi sessione / Modifica )

Connessione a %s...